Rotary Club de Erechim/RS

2016 – Ano – 013 Agosto/2016 – Nº 146 – Pg. 03
Grupos Rotarianos em Ação
O Conselho Diretor do RI oficializou três novos Grupos Rotarianos em Ação.

São Eles:
Pé torto congênito – Grupo Rotarianos em Ação pela Cura do Pé Torto.
Este grupo ajuda clubes e distritos em iniciativas de combate à deficiência física do pé torto. Seus integrantes fazem a conexão entre profissionais da área da saúde e Rotary Clubs para proporcionarem tratamento de qualidade a quem sofre deste mal. O grupo também ajuda no aumento da conscientização pública sobre o assunto, visando reduzir o estigma que acompanha a doença. Os fundadores deste grupo são cirurgiões ortopedistas da área pediátrica, altamente experientes no tratamento de crianças que sofrem desta deformidade.
Sustentabilidade ambiental – Grupo Rotarianos em Ação pela Sustentabilidade Ambiental.
Este grupo ajuda clubes, distritos e multidistritos no planejamento, implementação e avaliação de projetos, e na realização de campanhas para aumento da conscientização e engajamento públicos. Os projetos visam promover a sustentabilidade, divulgar os problemas provocados por mudanças climáticas e possibilitar iniciativas para reduzir a emissão de gases que contribuem ao efeito estufa. Este grupo divulga recursos educativos, fomenta diálogos sobre sustentabilidade e usa melhores práticas em modelos e avaliações de projetos.
Saúde Mental – Grupo Rotarianos em Ação pela Saúde Mental.
Este grupo acredita que a saúde dos moradores se traduz em uma comunidade sadia.    Com
base nisto, o tratamento de doenças mentais em tempo hábil aumenta o bem-estar da comunidade como um todo. Este Grupo Rotariano em Ação está comprometido com o fomento da liderança internacional e companheirismo nesta área, e se disponibiliza a ajudar a família rotaria no planejamento e execução de programas em prol da saúde mental. O grupo é formado por especialistas em elaboração de soluções, aumento da conscientização e realização de programas internacionais em saúde mental.
Autônomos, os Grupos Rotarianos em Ação são geridos por rotarianos que nutrem inte-resse em uma área específica. Estes grupos ajudam clubes e distritos no planejamento e implementação de projetos de alto impacto. Rotarianos, seus cônjuges e participantes atuais e anteriores de programas rotários podem integrar estes grupos.
Estrutura: Cada grupo opera de forma independente, com suas próprias regras, taxas e estrutura administrativa. A associação aos grupos está aberta à rotarianos, seus familiares, participantes e alumni dos programas do Rotary International e da Fundação Rotária. Os grupos de- vem observar o regimento interno recomendado pelo Rotary International e operar de acordo com as normas rotárias. Eles devem colaborar periodicamente com clubes e distritos em projetos ligados à suas áreas de atuação. Os Grupos Rotarianos em Ação podem ajudar clubes e distritos a obterem fundos ou outro tipo de assistência para suas iniciativas.
Benefícios: Ao participar de um grupo, você pode se envolver em atividades humanitárias fora de seu clube, distrito ou mesmo país. Ao formar uma parceria com um Grupo Rotarianos em Ação, seu clube ou distrito ganha o apoio de especialistas para planejar e implementar projetos.
O resultado foi surpreendente. Foi uma grande experiência. . Foi surpreendente ver que alguns dos alunos criaram um grupo WhatsApp chamado “Mãos que Ajudam” e começou a espalhar a consciência para a conservação da água, gestão do lixo e doação de órgãos. O entusiasmo dos alunos foi incrível.
Ensinar Jovens e serem bons cidadãos
Por Rajesh Kumar Modi, Rotary Club de Mumbai Borivali Oriente, da Índia.
As crianças são o futuro de qualquer país.

Como membros do Rotary temos a oportunidade de moldá-las de tal forma que eles podem emergir como recursos eficientes e valiosos para nossos países. O que precisamos é mudar nossas atitudes nos clubes. Os projetos não precisam ser enormes. Às vezes o tamanho não é indicador de sucesso.
Nosso clube organizou dois workshops de um dia inteiro sobre o assunto de “Como rea-lizar atividades sociais”.  Participaram três dezenas de alunos em níveis de ensino diferen-
tes.
No primeiro dia começamos com uma motivação, e discussão sobre doação de órgãos e gestão de lixo – No segundo dia além de dicas sobre Yoga, tratamos gestão de água, higie- ne e como proteger o meio ambiente. O evento foi concluído com um resumo das ativida- des, troca de experiências e plantio de árvores.
Foi surpreendente ver os alunos criarem um WhatsApp chamado “Mãos que Ajudam” e começaram a espalhar a consciência para a  conservação da água,  gestão de lixo e doação
de órgãos. O entusiasmo dos alunos foi incrível – Foi uma grande experiência.

Julho/2016 – Ano – 013 Agosto/2016 – Nº 146 – Pg. 04

Deixe uma resposta