Arquivo | janeiro 2015

Gastronomia….Viajando pelo mundo com meu marido, sempre vamos a lugares interessantes. Ver como o povo vive, se alimenta, reside, se diverte, faz compras. Gostamos muito de visitar mercados ao ar livre para ver o que usam como temperos, mercados de flores, de antiguidades, enfim, tudo que nos acrescente sobre o lugar que visitamos. De vez em quando, compro algo que não existe no Brasil e trago. É muito divertido fazer isso e se aprende muito.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEncontramos na areia!

OLYMPUS DIGITAL CAMERAm045m281m280m278m277m274m220m218m152m216m142OLYMPUS DIGITAL CAMERAm107m281Imagem 129605m089m013OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Nossa viagem pela Noruega, desde o sul até o Cabo Norte.

Este país é conhecido por sua beleza natural como os fiordes, as montanhas e o sol da meia noite. Os turistas nada convencionais tomam a rota do norte. São pessoas de todas as idades e de vários locais do mundo, fascinadas pela beleza única das costas norueguesas. O importante para essas pessoas, inclusive, para nós,  é a experiência de viajar, a arte de apreciar as paisagens e o prazer de vivê-las intensamente.  Fizemos este passeio para desfrutar o ritmo do mar, às vezes calmo e outras nem tanto, para emocionar-nos com as sociedades isoladas do norte do planeta e para maravilhar-nos com os picos escarpados do Ártico.

Entrada no navio…. emocionante, por não sabermos ainda o que seria ver ao vivo e a cores este país que só sabíamos como era pela Internet. Nossos amigos e conhecidos ainda não tinham ido, queríamos aproveitar ao máximo, cada segundo. Realmente, vale a pena visitá-lo. Lá no Fim do Mundo, como é chamado o Cabo Norte, acaba o Continente. Estávamos lá, deslumbrados com a beleza exuberante da paisagem e sabíamos que  dali pra frente só havia água, gelo… o Ártico. Olhando ao redor, víamos só montanhas cobertas de neve, lagos congelados, o Sol da Meia Noite, temperatura negativa menos de dez graus, vento muito frio que nos arrastava, parei! Continuei olhando em volta e pensei….Deus existe! Não há homem algum, nem mesmo os cientistas da NASA, que possam criar algo tão fascinante e imenso, tão lindo, tão diferente de tudo o que já havíamos visto.

Aeroporto de Oslo.

Aeroporto de Oslo.

DSC02260IMG_1584iPhone 347iPhone 1797IMG_1807176215101454IMG_172014671785IMG_17341551IMG_1775IMG_1857iPhone 759IMG_1472IMG_1455IMG_1466iPhone 6191754IMG_1456IMG_1464